segunda-feira, 28 de março de 2011

Semanal

A inquietação de um domingo junta-se ao tanto que fazer de uma segunda, e consomem-se num fogo de terça-feira, dando-nos um renascimento na quarta, que nos possibilita um aprendizado na quinta, para aprofundarmo-nos na sexta e cansarmos no sábado, sabendo que o ciclo busca a si mesmo — e todos os dias são um só, nomes à parte.

Rio, 28 de março de 2011

Nenhum comentário: